joomla site stats
Tag: Chocolate
 
Stone Mocha IPA
[25 jan 2018 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Pelo rótulo, tinha tudo para ser uma daquelas imperial stouts com aromas fortes de café, tanto o dos grãos quanto o da torra dos maltes. Mas, na via que as cervejas artesanais estão tomando na direção da quebra dos estilos, a surpresa chega na cor da cerveja:  cobre escuro. Alegam ser uma IPA, mas, outra [ Leia mais… ]

 
Chez Claude
[9 jan 2018 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Tradução direta da expressão Chez Claude: Na Casa do Claude. Tradução ainda mais direta: Claude Está em Casa. Mais ainda, Claude Está se Sentindo em Casa. Ele anda circula, mete a cara nas mesas, checa se está tudo bem. Anda, mexe, dá ordens, faz observações, tira pedidos. Não é renascimento, é renacença de Claude Troigros, [ Leia mais… ]

 
Salgado ou doce?
[19 ago 2015 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

A onda das pipocas gourmets parece que pegou mesmo. Ainda que um pouco exageradas nos sabores, trouxeram uma onda que já fazia sucesso nos Estados Unidos, quando tonaram-se um presente refinado por aqui. É o caso da curitibana Leeds e das paulistanas Pipó e Plus Popcorn, que reproduzem, basicamente, o que é feito lá fora [ Leia mais… ]

 
Rosas musicais
[8 jan 2015 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

No momento em que se fala tanto em guns, vale a pena falar um pouco das roses. Parte 2 da série chocolates criativos, no perfil do site no Instagram, com essas que vi, da Pati Piva, na inauguração da loja da Le Lis Blanc, em São Paulo. Como diz um antigo sambaénredo da Portela, sobre [ Leia mais… ]

 
NY: O selfie do Atera
[17 dez 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Mais uma vez, o Atera, em Nova York, não está sequer na relação dos 50 Best, votação promovida por uma empresa de águas minerais, a italiana San Pellegrino, para prestigiar seus clientes. Isso não coloca o restaurante em dúvida, mas sim a própria lista. A casa está um degrau acima daqueles grandes de Manhattan que [ Leia mais… ]

 
Ovomaltine: 150 anos
[11 out 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

A nossa sorte é que o Ovomaltine é anterior a essa febre do chocolate percentual, que te proibe de cultuar sabores de infância e de constrange a idolatrar amargores insuportáveis. Assim a gastronomia perde a graça. Mas o antídoto está no próprio Ovomaltine, aquele do Bob’s, velho de guerra, batido naquela coqueteleira de pino e [ Leia mais… ]

 
O design da Páscoa
[15 abr 2014 | Pedro Mello e Souza | Um comentário ]

O design da Páscoa Os artesãos por trás do lado contemporâneo dos ovos de Páscoa.   Foi-se o tempo em que a criançada aguardava ansiosamente pela caça aos ovos de Páscoa, que aconteciam entre os móveis de casa ou os recantos do jardim. E foi-se também o tempo em que essa criançada ainda tinha algo [ Leia mais… ]

 
Dia do Jornalista
[7 abr 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

The Chocolate Keyboard, de Michael Sholk (Reprodução do site do autor) Uma das diversas e divertidas criações do designer e publicitário russo Michael Sholk, esse teclado em chocolate ainda não foi lançado, mas é uma idéia inspiradora para uma data como a de hoje, o Dia do Jornalista, que cai em pleno fim de semana [ Leia mais… ]

 
De olho na gastronomia
[22 mar 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

ATENÇÃO: Essa matéria foi produzida em 2008 para a capa da revista EatinOut. Mas reedito aqui para valorizar os fotógrafos de gastronomia, que muitos pensam que substituem com fotos de celulares, em que os pratos perdem o brilho, a cor, o contraste, o volume, a suculência, a personalidade e até o caráter. Basta olhar alguns [ Leia mais… ]

 
MAM na torta
[31 jan 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Arte, arquitetura e gastronomia andam juntas no Museu de Arte Moderna do Janeiro. Lá, o chef Ricardo Lepeyre, do restaurante Laguiole levou os três temas bem a sério e montou a tarte MAM, que celebra os 65 anos da instituição com uma réplica das colunas originais do arquiteto Affonso Reidy, com telhas de chocolate; e [ Leia mais… ]

 
O ovo que é a Páscoa
[31 jan 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Esse é mais um exemplo do óbvio que ninguém enxerga. É ideia simples mas que se destaca da multidão dos ovos de Páscoa, que, por mais coloridos, salpicados, gravados ou recheados não vão superar esse da foto, o verdadeiro “oeuf de Pâcques”, com a cara dos moais, as estátuas que marcam a ilha chilena, descoberta [ Leia mais… ]

 
Do inventor do petit-gâteau
[14 jan 2014 | Pedro Mello e Souza | 2 comentários ]

O chef franco-americano Jean-Georges Vorgerichten é tido como o inventor do petit-gâteau. Ele fala sobre isso com um certo desconforto, algum desconcerto até. Ele olha pro vazio, fazendo não de desaprovação com a cabeça quando lembra e resume com a mesma abertura e o mesmo fechamento: “foi um erro”.   E resume: “Tínhamos uma evento [ Leia mais… ]

 
Últimas do Michalak
[1 jan 2014 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Quer um site criativo, informativo, pop, dinâmico e bem desenhadérrimo? Vá ao endereço do superstar francês do chocolate, Christophe Michalak, em christophemichalak.com. Além das criações mais recentes, como esses bombons com muita cara de Brasil: sandálias havaianas – lá, eles conhecem como claquettes – e, claro, uma pizza, encontra-se também o seu fluxo de novidades, [ Leia mais… ]

 
A cidade do chocolate
[31 dez 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Celebração quase lisérgica em torno do chocolate, conforme a visão artística da Valrhona, que abriu, em outubro, a Cité du Chocolat, na pequena cidade de Tain l’Hermitage,  sul de Lyon, três horas ao sul de Paris. Bem ali, às margens do rio Rhône (não me venham com Ródano), temos uma pequena disney sobre o [ Leia mais… ]

 
Daniel e os “5 Best” de Nova York
[22 dez 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Este post é a íntegra da matéria publicada pelo caderno ELA Luxo, em O Globo, em que visitamos os cinco melhores restaurantes de linha francesa em Nova York. Os textos com as impressões sobre os demais restaurantes está em: Eleven Madison Avenue Per Se Le Bernardin Jean Georges     Nosso bom, simpático, agradável Daniel [ Leia mais… ]

 
Palha italiana
[20 nov 2013 | Pedro Mello e Souza | Um comentário ]

Palha italiana é um doce curioso. Não tem nada de palha, muito menos de italiana. Há várias hipóteses espalhadas na rede com correntes que falam desde as origens no sul, onde não há o leite abundante, fundamental à receita, ou das cascas de amêndoins, que estão apenas em algumas versões mais recentes. De qualquer forma, [ Leia mais… ]

 
O chokito, segundo Lena
[1 nov 2013 | Pedro Mello e Souza | Um comentário ]

Os doces de Lena Gasparetto já cruzaram as fronteiras emotivas da própria Lena Gasparetto. E chegam às nossas, com reminiscências de infâncias através de criações originais. Uma delas é a interpretação que ela faz do chokito, típico chocolate de porta de colégio, que nos chega agora em versão com chocolate belga na cobertura. E com [ Leia mais… ]

 
Halloween criativo 7: M&Ms
[31 out 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Sempre modernas as peças criadas pela BBDO Dusseldorf para a campanha de lançamento dos M&Ms especiais para o Halloween de 2011. Simplicidade criativa, como insiste nosso consultor para o tema, o publicitário Gustavo Bastos. A aranha e morcego no mosaico das pastilhas de chocolate, com o castanho escuro sobre abóbora, foram criações da diretora de [ Leia mais… ]

 
Modo de usar: Country Club
[30 out 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

OS VOTOS DO SUPREMO   Supremo não precisa terminar em pizza, necessariamente. Pode terminar (ou começar) com um supremo de frango, desde que seja bem feito. É prato das antigas, iguaria vintage, de tempos pré-gastronômicos, em que a inteligência e a fidalguia costumava dizer: – “bom, vou jantar que eu estou com sede”. Coisas do [ Leia mais… ]

 
Tricks and treats
[30 out 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Não se empolgue, já está esgotado. Trata-se do spider chocolate pumpkin with caramels – um rock das aranhas que a Dean & Deluca lança à frente de sua coleção para Halloween. Mesmo custando a sutileza de 47 dólares (cento e poucas patacas), o encanto desapareceu das prateleiras e causou congestionamento nas entregas da mega deli [ Leia mais… ]

 
O chique do cacau
[1 ago 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Quemvoa pela classe executiva da British Airways já conhece. Cintilantes na aparência e surpreendentes no paladar, os chocolates do inglês Harry Louis aterrissaram no Brasil com mais de 50 sabores inesperados. Aos cremes finos que importou da Bélgica e da Itália, somam-se aromas como os de bebidas finas (champagne, amareto, amora) e experiências que [ Leia mais… ]

 
Volta às aulas 2
[16 abr 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Não adiantava nada chegar na sala de aula com seu kit de lápis sem um bom apontador. A casa de chocolates Nenda, japonesa, pensou nessa situação humilhante e incluiu um deles no seu estojo de crayons – em chocolate, claro. As cores de cada peça denunciam a sua intensidade, dos mais claros, ao leite, [ Leia mais… ]

 
Percentual de história
[21 fev 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Qual o peso da história? Se for a do chocolate, pode variar entre 30 e 80 gramas, o que, convenhamos, é razoável para cinco séculos de hábitos em torno da iguaria. Esses são os pesos da nova linha de chocolates especiais da Cacau Noir, com 18 sabores que vão do amargo com laranja (foto) [ Leia mais… ]

 
Fantasia rasgada
[17 fev 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

O problema com as máscaras de carnaval é que os olhos do fantasiado desaparecem. A aversão de muitos – a minha, com certeza – a respeito do antigo folguedo, hoje uma mera arruaça, pode vir daí. Especialmente no caso das antigas fantasias de bloco, toscas, mal acabadas, com bafo. Mesmo as modernas, com cara de [ Leia mais… ]

 
O chocolate e a goleada
[12 fev 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  No último Superbowl, São Fransico perdeu, por pouco, a chance de levar uma goleada do adversário – ou, como dizemos aqui, um tremendo “chocolate”. Mas quem vai a São Francisco pode levar o seu chocolate e sair ganhando. E bem, no caso do Ghirardelli, uma marca local que foi eleita oficialmente um dos ícones [ Leia mais… ]

 
Chocolate e arquitetura
[9 jan 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Se arquitetura dá água na boca de muita gente, melhor ainda se for em chocolate. É o caso dessa coleção, que lembra as formas do cobogó, mas foram desenvolvidas em Turim. De lá vêm os arquitetos Sergio Viotti and Giuliana Succo, que projetaram o desenho das barras. De lá é a Pasticceria Gertosio, que [ Leia mais… ]

 
Pronto, falei…
[31 dez 2012 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  No verbete em que fala das cervejas de Natal, no espetacular Oxford Companion to Beer (Oxford Press, 2012), o crítico inglês Christopher Marchbanks diz que as edições da época, especialmente as Christmas ales, são uma forma de cada cervejeiro transpor as suas fronteiras, adicionando novos ingredientes, maltes e tipos de lúpulos, diferentes daqueles que [ Leia mais… ]

 
Gianduia (ou gianduja?)
[6 dez 2012 | Pedro Mello e Souza | Um comentário ]

  Gianduja é um creme untuoso, de chocolate com avelãs, que compõe a receita ou o arremate de bolos, pudins, doces ou sorvetes – ou para aplacar crises de gula. Aconteceu comigo nos anos 80, quando chegou ao Brasil com a denominação Nucita. A massa vinha dura no pote e a recomendação era de que [ Leia mais… ]

 
Halloween criativo 4: Cacau Noir
[3 nov 2012 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

  Esperando o carro no valet parking do Rio Design Leblon, na saída da consulta com meu clínico, lista de exames na mão. Um deles, o que vai definir a gordura do meu fígado. Ou, objetivamente, se meu foie está realmente gras. Para trabalhar bons contrastes para o exame, encostei na vitrine da Cacau Noir, [ Leia mais… ]

 
Acabei no Irajá
[5 out 2012 | Pedro Mello e Souza | 3 comentários ]

  O correto seria “me acabei no Irajá”, mas o título é uma tentativa inata de resgatar – pela última vez, espero – a velha remissão de infância, em torno de Greta Garbo, que, quem diria, acabou no Irajá. Era uma antiga peça, em eterno cartaz no Teatro Glória. Hoje, o cenário é outro. Foram [ Leia mais… ]