Champanhes em prova 3: o resultado do painel

[2 jan 2013 | Pedro Mello e Souza | Sem comentários ]

Abaixo, o resultado do somatório das notas dadas, individualmente, para cada champanhe, no painel montado para o Caderno ELA, do Globo (veja a matéria original e a íntegra dos textos aqui). Foi permitido a cada jurado usar o seu discernimento e o padrão de avaliação que adquiriu em sua experiência com o vinho. Apenas no quesito “aparência”, foi estabelecida uma margem menor de votação em função da perda de perlage e de espuma em taças de vinho do porto.

 

As taças de vinho do porto foram aprovadas por todos por permitir uma valorização maior daquilo que está mais próximo do consumidor: o aroma e o paladar. Nâo houve trocas de informações durante a degustação e, embora os champanhes tenham sido servidos em três baterias diferentes, for permitido a cada jurado que seguisse seu ritmo.

 

Clique na imagem para ver a planilha no tamanho original

 

O juri foi formado por três sommeliers (Cecília Aldar, Dionísio Chaves e João Souza), dois professores e monitores de entidades dedicadas ao vinho (Célio Alzer e Paulo Nicolay), três restaurateurs a administradores de adegas (Janine Sad, Cristiana Beltrão e Roger Magalhães), uma chef com formação em vinhos (Luciana Plaas) e dois jornalistas especializados (Alexandre Lalas e Pedro Mello e Souza), que assinaram a matéria, preparada especialmente para a edição de 12 de dezembro de 2012 do Caderno ELA, do jornal O Globo.

 

Não foi permitido a nenhum dos jurados mudar qualquer nota. Da mesma forma, só souberam da ordem do serviço dos rótulos e do resultado final somente após a publicação da matéria no jornal. Para evitar implicações comerciais, nenhum deles está identificado na tabela.

 

O resultado final foi alcançado pela soma dos votos dos jurados, mas foram excluídas a maior e a menor nota, para diminuir a distorção dos diferentes critérios e uma diminuição dos desvios padrões.  Mesmo assim, houve grande coerência e, nos comentários após a degustação, uma única certeza: são todos, do primeiro ao último, excelentes champanhes.

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *